Quinta do Vallado

Quinta do Vallado
Quinta do Vallado
Quinta do Vallado
Quinta do Vallado
Quinta do Vallado
Quinta do Vallado
Quinta do Vallado

“Em 2009 foi construída uma nova adega, equipada com a mais moderna tecnologia.“

A nova adega e cave de barricas, cuja construção se iniciou em 2008, e com conclusão no fim de 2009, alia a mais avançada tecnologia com uma arquitectura de grande qualidade, o que a torna num dos lugares a visitar, no Vale do Douro. 

As uvas chegam acondicionadas em pequenas caixas que evitam o esmagamento e o sobreaquecimento, sendo despejadas num tapete de triagem que as transporta para o desengaçador/esmagador.

Caiem então por gravidade sobre as cubas de fermentação em inox, com remontagem programável e controlo automático da temperatura, onde permanecem entre 7 a 9 dias, a temperaturas que oscilam entre os 26 e 28 graus. Em algumas das cubas é utilizado um Robot que faz uma pisa mecânica.

Uma pequena percentagem das uvas é ainda esmagada em lagares de granito, utilizando o método tradicional.

No caso do Vinho do Porto, o tratamento é diferente: ainda durante a fermentação mistura-se aguardente; com o excesso de álcool no mosto a fermentação pára, não havendo a transformação total do açucar em álcool. No caso do Vinho do Porto Vintage Adelaide, onde se pretende uma grande extracção, as uvas são esmagadas em lagares de granito com a tradicional pisa a pé.